O biquíni certo para o seu corpo

Moda Praia, Dicas

Com o biquíni certo você consegue disfarçar as áreas indesejadas e valorizar o que tem de melhor.

Para ajudar nesse momento , preparamos um guia de dicas para cada tipo de corpo. Mas, antes de falar dos biquínis, vamos ver quais são esses tipos de corpos. Assim vocês vão saber em qual grupo se encaixam.

Na consultoria de imagem, as mulheres são separadas em cinco grupos. O corpo triângular, ou corpo pêra como também é conhecido, é o das poposudas rs, quadris mais largos que os membros superiores. A ampulheta, que é o mais equilibrado e referência –  tentamos fazer os outros tipos parecerem esse através de técnicas e truquinhos. O corpo retângular, que é a mulher sem curvas e sem cintura (normalmente modelos são assim, e sim, até elas têm defeitos rs). O triangular invertido, o oposto da triangular, nesse caso os ombros são mais largos que os quadris. E por fim o corpo oval, que é a mulher que tem a região da barriga mais cheinha.

Bom, agora vamos ver o modelo de biquíni ideal para cada tipo de corpo.

Corpo Triângular
Para o Triângular, ou pêra, a ideia é chamar atenção para parte de cima do corpo e não o quadril. Assim, aposte nos soutiens coloridos e estampados, para essa parte chamar atenção. Na parte de baixo, aposte em cores neutras, discretas, e de modelagem mais larga.


Corpo ampulheta 
Como o corpo ampulheta é considerado o mais “perfeito” dos corpos (apesar de acreditar que cada um tem sua beleza), e por ser o mais perto do equilíbrio, as mulheres assim podem usar e abusar de qualquer modelagem de biquíni. 

Corpo retangular
Para dar formas e curvas ao corpo retangular, o ideal é apostar em biquínis com muito informação tanto em cima quanto em baixo. Vale babadinhos, franjas, cores, estampas, e na modelagem cortinha, tomara que caia ou maiô recortardo.

Corpo triangulo invertido
Ao contrário do corpo triangular (ou pêra), o triangulo invertido tem que valorizar a parte de baixo (quadris) e disfarçar a parte de cima que é mais larga. Para isso, o ideal é usar biquínis com a calcinha colorida, com detalhes e informações para chamar a atenção aos quadris, e usar a parte de cima mais discreta, com cores neutras.

Corpo Oval
Para disfarçar as formas e a barriguinha do corpo oval, o ideal é escolher um biquíni com a cintura mais alta, ou até mesmo um maiô como na foto, optando por cores neutras.

Além disso, seguem outros truques rápidos que podem ajudar – e muito!

– Seios pequenos: apostar em sutiãs com volume e relevo.

– Coxas grossas: escolher uma calcinha de biquíni de tamanho médio, nem muito pequena (a la fio-dental) e nem muito grande (a la american style). Estampas de listras e desenhos verticais também ajudam a afinar.

– Pneuzinhos:Ninguém merece aquelas duas gorduras nas laterais, né?. Para disfarçar, uma boa opção são as hot pants. Isto é, um biquíni de cintura mais alta. 

– Seios grandes: passe longe dos tomara que caia e cortininhas, viu? O ideal é optar por um sutiã que dê  sustentação. Modelos com bojo (sem enchimento), ou aranhas, e alças largas.

– Bumbum pequeno: calcinhas “franzidas” no bumbum e em formato de “coração”. Esse modelo que foi criado pela marca de beach wear VIX, mas que já está a venda em tantas outras marcas, prometia as americanas um bumbum de brasileira rs. Dá uma ilusão de maior mesmo. Outro truque é apostar em modelos com as laterais de lacinho.

Longe de querer ditar regras e padrões de beleza. O princípio da consultoria de imagem é ajudar as pessoas a valorizarem o que tem de melhor e disfarçar os defeitos, respeitando o biotipo de cada uma. Afinal, somos únicas e com os truques certos podemos aumentar a nossa auto-estima – e deixar a canga de lado no verão

Alguma dúvida?

Bom dia como podemos te ajudar?

WHATSAPP Maracangalha Brasil
Politica de Privacidade